Como montar uma empresa de BRINDES Personalizados?

como montar uma empresa de Brindes Personalizados para festas

É muito difícil encontrar alguém que não tenha um único produto promocional em casa ou no trabalho, não é mesmo? Um copo, uma caneca, um squezze na sua mesa de escrivania, com a marca de alguma empresa provavelmente faz parte dos materiais do escritório, um calendário ou até mesmo um pen drive personalizado para alguma ação publicitária. Mesmo em tempos de crise econômica, o mercado de brindes segue em alta, uma vez que as empresas fornecem brindes para clientes, parceiros, fornecedores e funcionários em diversos momentos do ano.

As festas, independente do tipo de comemoração, casamento, aniversário, 15 anos, formatura, confraternização, e até mesmo um chá de cozinha ou um batizado, esta quase sendo que obrigatório, o uso de um produto de acrílico, ele é usado na própria festa e também como lembrancinha da festa.

As datas de maior demanda no mercado de brindes costumam ser as datas comerciais e finais de ano, mas os tempos estão mudando e a necessidade de marketing é muito grande, e por isso é usado esse tipo de brindes o ano inteiro pelas empresas.
Por isso, investir em um negócio de brindes é uma boa idéia.

Primeiros passos

Montar uma empresa de brindes pode ser um investimento bastante lucrativo, desde que o empreendedor tenha seguido alguns passos básicos, um planejamento básico, como nicho de produtos, abrangência da suas vendas, pessoas envolvida no negocio para cada função, além de se preocupar em oferecer diferenciais para que sua empresa se destaque nesse meio tão competitivo.

O legal do mercado de personalizados é que empresas de perfis diferentes entre si conseguem seu lugar ao sol, justamente pela grande demanda. Sendo assim, a empresa que foca mais em brindes para festas tem seu espaço no setor. E, naturalmente, oferecer preços competitivos por um bom produto é vital para quem deseja prosperar nesse mercado.

De acordo com a Associação Brasileira de Brindes (ABRINDE), há pelo menos 500 tipos diferentes de brindes que podem ser oferecidos, desde as tradicionais canetas, agendas e adesivos, até itens confeccionados em material ecológico e sustentável. Então, o que não faltam são opções para escolher seu nicho de mercado.

De olho no mercado

Para começar, o empreendedor que planeja montar uma empresa de brindes personalizados precisa definir questões como quais opções de brindes constarão em seu catálogo, além de quais e quantos equipamentos serão necessários para produzi-los. Para tal, a dica de ouro é: estude o mercado. Esse estudo deve ser feito não somente analisando o que a concorrência oferece, como também visitando feiras e congressos do setor de promoção e brindes para conhecer as últimas novidades nesse segmento, bem como pesquisar os melhores preços de fornecedores para seu negócio.

Uma boa dica dada pelo Sebrae é começar a produzir uma pequena quantidade de cada item pré-selecionado, a fim de determinar quais terão mais saída e quais não compensam tanto assim fabricar. Mas quais produtos escolher? Bom, tudo dependerá de seu público-alvo! Por exemplo: se seu foco será baseado em brindes tecnológicos como pendrives, mousepads e capas para smartphones, talvez não seja tão interessante investir inicialmente também na fabricação de itens de papelaria, assim como quem estabelecer foco em itens de escritório pode ter algum prejuízo se fabricar brindes de uso doméstico, como itens de cozinha.

Onde e como montar minha fábrica?

Enquanto alguns mercados são mais beneficiados com localidades privilegiadas, o setor de brindes não tem essa exigência, permitindo instalar sua empresa em bairros mais afastados, até mesmo na sua residência, com melhores valores de locação .
O motivo? Uma empresa de brindes personalizados utiliza meios como a internet, a propaganda e o “boca a boca” para conquistar sua carteira de clientes, não dependendo tanto assim do local onde está montada.

Já quanto à estrutura da empresa de brindes, ela deve ser adptada de acordo com sua nescessidade.

“COMEÇE PEQUENO, MAS SEMPRE COM FOCO EM SER GRANDE.”

Para isso você já começa formatando tudo o que você planejou, com os espaços adequados para cada tipo de atividade dentro do seu negócio. (mesmo não tendo todas pessoas ainda), uma recepção, com show roon, banheiros, depósito para matérias-primas, área de produção, depósito de produtos já finalizados, escritório e expedição.

O tamanho do imóvel dependerá do porte da empresa, sendo que o local deve acomodar as maquinas necessárias para a produção,
– contendo 1 mesa grande para a maquina impressora, com espaço de 1 lado e outro, para colocar os produtos lisos e os prontos.
– um espaço de 3×2 para a gravadora de matriz, essa de preferencia com baixa iluminação.
– uma pia ou um tanque para revelar e lavar as telas de silk
– prateleiras e armários para guardar tintas e insumos necessários.

Partindo para a técnologia, é fundamental que você tenha um bom
– computador para criação da suas artes,
– um notbook para trabalho de vendas e atendimento.
– uma impressora colorida jato de tinta, para imprimir seus pedidos e outros
– uma impressora a laser somente para as impressões dos fotolitos das artes
– outros equipamentos vai depender da sua nescessidade e do seu investimento, podendo até entrar em outros nichos de mercado.
A Silk Machine tem ótimos equipamentos e bastante esperiência para lhe ajudar a formatar seu negócio.

Contratando pessoal especializado

Por mais automatizada que seja, uma empresa de brindes não funciona sem pessoas especializadas, não somente para operar as máquinas, como para criar artes, vender e administrar o negócio.

Ainda conforme informações do Sebrae, uma pequena fábrica de brindes é capaz de funcionar com cerca de dez funcionários trabalhando em funções como administrador, assistente administrativo, supervisor de produção, orçamentista, operadores de prensa e corte, gravadores, embaladores, vendedores e representantes comerciais.

Algumas dessas funções, como administrador e orçamentista, por exemplo, podem ser desempenhadas pelo próprio empreendedor – ao menos inicialmente. Já as atividades mais específicas, incluindo o design das personalizações e o manuseio das máquinas, devem ser feitas por profissionais especializados.

Divulgando seu negócio

Nos dias atuais, a internet é a principal ferramenta utilizada para crescer e aparecer no mercado de brindes, conquistando e fidelizando clientes de sua fábrica. Então, é essencial ter um web site no ar, contando com seções como “Institucional”, onde a história e atividades da empresa são contados ao leitor, bem como catálogo de produtos, área de contato e, se possível, um blog com conteúdo relevante semanal para atrair mais visitantes para sua página.

Além disso, as redes sociais também são verdadeiras aliadas na divulgação de uma fábrica de brindes em pleno século XXI. Mídias como Facebook, Twitter e Instagram se tornaram extremamente importantes não somente para divulgar seus produtos e serviços, como também para prestar um atendimento mais ágil aos clientes, solucionando suas dúvidas e até mesmo enviando orçamentos.

Burocracias e controle de finanças

Uma empresa de brindes funciona como um ponto comercial tradicional perante a lei, se enquadrando no Simples Nacional. Portanto, para operar nos conformes da lei, a empresa de brindes precisa obter as mesmas licenças dos comércios em geral, como ser uma pessoa jurídica e conseguir a licença para funcionamento com a prefeitura do município onde estiver localizada. Um contador é o profissional indicado para preparar toda essa papelada, deixando o empresário livre para se preocupar com questões como o estudo de mercado e compra de materiais.

Já para administrar as finanças de sua empresa de brindes, o empreendedor pode utilizar softwares de gestão de negócios, cujo papel é justamente facilitar esse processo para os empresários.

Quer realizar o sonho de ter o seu próprio negócio? fale comigo estarei pronto para lhe ajudar nessa jornada. (solicitar atendimento)

“com muita fé eu acredito que você é capaz de ser o protagonista da sua própria vida”

Comments are Closed